O prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil (PSD), decidiu deixar a cidade fechada por tempo indeterminado nesta terça-feira, 6.

A decisão, na prática, tem nenhum efeito enquanto o governador Romeu Zema deixar a capital na onda roxa, quando só serviços essenciais podem funcionar e há o toque de recolher entre 20h da noite e 5h da manhã.

A decisão mais dura na capital, porém, estabelece que até os supermercados e padarias fechem aos domingos, deixando BH como a cidade mais restritiva de Minas Gerais.

Advertisement