Gente, tem cidade mais maravilhosa nesse Brasil do que Belo Horizonte? Claro que não! Isso todo mundo já sabe.

O que muita gente ainda nem desconfia, é que essa cidade tem um montão de invenção creditada aos moradores daqui. Separamos algumas. Saca só:



Coxinha com catupiry

Foto da Coxinha de Frango com Catupiry da Confeitaria Dois Corações. Prêmio Bom Gourmet - Sabor Popular
Foto da Coxinha de Frango com Catupiry da Confeitaria Dois Corações. Prêmio Bom Gourmet – Sabor Popular

Vamos começar falando de coisa boa? Essa maravilha da gastronomia foi inventada em território mineiro, mais especificamente na capital. Thereza Martins é a mulher que afirma ter inventado a gostosura na Av Afonso Pena, em Belo Horizonte.

Guarapan

img_2873

Essa maravilha da humanidade, pra quem não sabe, foi criada em BH. Apesar de toda maravilha que é, ainda tem uma história bacana: diz a lenda que um técnico da Coca-Cola decidiu mudar a fórmula de um refrigerante de guaraná produzido na empresa e adicionar maçã. O gerente da empresa descobriu e quando o técnico pensou que ia ser demitido, ofereceram comprar a patente do refri e ele ganhou uma promoção.

BINA

06d926a412

Nélio Nicolai. Você pode até nunca ter ouvido falar no nome deste mineiro de BH, mas hoje só sabe quem está ligando pro seu celular por causa da invenção adaptada dele, a BINA. Apesar disso, até hoje ele ainda tenta conseguir os direitos autorais na justiça.



Praia da Estação

foto-praia-da-estacao-2

Todo mundo sabe da piadinha “se Minas não ter mar, vamos prum bar”. Ok, o estado pode não ter mar, mas isso não quer dizer que não possa ter praia. Isso graças a uma Lei que queria proibir a população de fazer eventos pela cidade. Mole isso?

Mate Couro

1d-mate-couro

Não basta criar um, temos que criar dois. Isso mesmo, o Mate Couro também foi feito aqui em Beagá. A fórmula do refri é uma mistura do guaraná, erva mate e erva chapeu de couro.