A Câmara de Belo Horizonte terá de aprovar, ou não, o subsídio de até R$ 144 milhões por ano para que as empresas de ônibus concedam um desconto de R$ 0,20 na passagem.

O valor é assustador quando comparado ao preço orçado do Hospital do Barreiro. Em 2010, o valor da obra foi definido em R$ 150 milhões e deveria ter durado 2 anos.

Leia também: Secretário de Kalil vazou que ele não estava em BH

Advertisement

Com 4 de atraso, a obra também acabou ficando mais cara. Foram mais R$ 135 milhões.

Ao todo custou quase R$ 300 milhões, mas só 25% foi pago pela prefeitura. Os outros 75% foram divididos entre governos Estadual e Federal.

Mesmo considerando que a obra fique o dobro, então, seria como dizer que hoje Belo Horizonte pode, sozinha, construir um Hospital do Barreiro a cada dois anos. Mas vamos investir o dinheiro em R$ 0,20 de desconto no transporte.

Advertisement