A crise causada pelo coronavírus está atingindo quase todas as empresas do país e ao contrário do que prega parte do governo, filhos e até mesmo o presidente Jair Bolsonaro, o isolamento não parece ser uma estratégia da Globo para fazer manobras políticas.

Isso porque o canal também está sofrendo e enfrentando grandes prejuízos financeiros.



Leia também: Imagem de Luciano Huck humilhando fã bomba na web e repercute; veja aqui

Advertisement

Se por um lado os anunciantes deixam de fazer propagandas no canal, já que as pessoas não estão comprando, por outro a Globo perde com eventos.

Jogos de futebol estão cancelados, o que faz com que assinantes de pey per view cancelem assinatura do premiere.





Leia agora: Globo toma atitude cruel com funcionários de Faustão e é chamada de hipócrita; detalhes aqui

Advertisement

Se a crise piorar, a Globo Minas pode entrar na onda das demissões e cortes salariais.

A Globo da Bahia, por exemplo, anunciou que todos os seus contratados sofrerão um corte de 25% do salário.

Por aqui há quem acredite que o corte possa chegar aos 50% e alguns nomes serem dispensados.







Advertisement