Uma mulher de 33 anos revelou que foi furtada por um entregador da Rappi durante um pedido de álcool em gel que fez nesta quinta-feira, 19, em Belo Horizonte.

Segundo ela, depois de comprar duas caixas de álcool em gel com 12 unidades cada, onde ela pagou R$ 10 por frasco, o entregador só entregou uma em seu prédio.



Leia também: Avó de Ísis Valverde morre durante isolamento por coronavírus e choca a web; veja os detalhes aqui

As câmeras teriam flagrado o homem deixando uma e indo embora com a outra nas mãos.

O boletim de ocorrência foi feito, mas como a Rappi se recusou a informar os dados do entregador, ele ainda não foi identificado.

A dona da loja que vendeu o produto confirmou à vendedora que enviou as duas caixas.

*Mineiros estão fazendo uma petição para cobrar do governador Romeu Zema que suspenda a cobrança de água, luz e gás durante a crise de coronavírus. Veja e assine aqui.