O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, registrou sua candidatura junto ao TRE nesta terça-feira, 22, e junto entregou sua declaração de bens.

A declaração vem no total de R$3.689.634,19 (veja aqui, no site do TRE).

Em 2016, na sua primeira candidatura, o prefeito havia declarado possuir R$2.787.609,13 em bens. (veja a declaração completa aqui, no TSE)

Advertisement

Entretanto, ainda na campanha, doou R$ 2,2 milhões para sua própria campanha. Como não declarou que tinha este dinheiro, afirmou à Justiça Eleitoral que o valor era fruto da venda de imóvel a seus filhos.

A diferença entre a declaração deste ano e a de 2016, considerando os R$ 2,2 milhões doados para sua campanha, dão cerca de R$ 3 milhões.

Salários como prefeito de BH

Advertisement

O salário do prefeito da capital mineira é o maior do Brasil, R$ 31 mil. Kalil, entretanto, tem 20% do valor bloqueado pela Justiça para pagar dívidas de suas empresas.

Considerando o valor bloqueado, em 4 anos o prefeito recebeu cerca de R$ 1.190.400,00.

Advertisement