As novas regras do isolamento social começaram a valer nesta terça-feira (5), em Belo Horizonte. O decreto assinado por Alexandre Kalil (PSD) foi publicado no Diário Oficial do Município e determina a proibição de eventos dentro de carros, conhecidos como “drive-in”, sob pena de multa de até R$ 20 mil. Além disso, o responsável pode perder o alvará, se esse for o caso.

Já os eventos em áreas comuns de prédios e condomínios terão penalidade de 20 vezes o valor do condomínio do prédio do infrator.  De acordo com o decreto, a administração do prédio fica responsável por penalizar as pessoas que usarem os espaços para a realização das festas.

Advertisement

Os drive-in estão cada vez mais comuns nesse período de pandemia do novo coronavírus, principalmente para a realização de cerimônias religiosas. Em Belo Horizonte, no bairro Belvedere, na região Centro-sul, um culto chegou a ser marcado pelas redes sociais e aconteceria neste fim de semana, no modelo drive-in, no entanto ele foi desmarcado e não aconteceu.

As novas regras foram acrescentadas a outras normas, como o uso obrigatório de máscaras, e valem por tempo indeterminado.

Advertisement