Belo Horizonte iniciou nesta segunda (01), mais uma fase da campanha de vacinação contra a Covid-19, com a chegada de 56,7 mil imunizantes.

As doses foram enviadas pelo governo do Estado e contém 16,8 mil vacinas da Coronavac, desenvolvida pelo Instituto Butantan, em parceria com o laboratório chinês Sinovac, além de 40,8 ampolas criadas pela AstraZeneca com a Universidade de Oxford.

De acordo com a prefeitura, essas novas doses contemplarão:

  • 100% dos trabalhadores lotados nos 152 Centros de Saúde do município;
  • Moradores e profissionais (cuidadores, equipe de enfermagem, auxiliar de serviços gerais e quem realiza a manipulação dos alimentos) que atuam em todas as Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs);
  • 100% dos trabalhadores lotados nos 16 centros de Referência em Saúde Mental (Adulto, Álcool e outras drogas e infantil);
  • Moradores e profissionais (cuidadores, equipe de enfermagem, auxiliar de serviços gerais e quem realiza a manipulação dos alimentos) dos Serviços de Residência Terapêutica (SRT);
  • Moradores acima de 18 e profissionais (cuidadores, equipe de enfermagem, auxiliar de serviços gerais e quem realiza a manipulação dos alimentos) das Residências Inclusivas (para pessoas com deficiência institucionalizadas). 

Advertisement

A PBH ainda informou que as 40,8 mil doses da AstraZeneca/Oxford serão distribuídas na proporção de uma dose por pessoa. A segunda aplicação, que pode ser feita em até 90 dias após a primeira, será feita quando a capital receber um novo carregamento da substância, ainda sem data para chegar.