O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, comemorou a notícia de que o Governo Federal pretende excluir cidades brasileiras.




A proposta tiraria o status de cidade de todos os municípios brasileiros que têm menos de 5 mil habitantes ou que registrem arrecadação própria menor do que 10% do total.

Na prática, 231 cidade mineiras perderiam esse status.




Para o governador Romeu Zema, essa é uma “boa notícia”. Pelo menos é o que garante o jornal O Tempo, que acompanhou evento do Partido Novo na noite de terça-feira (5).

“Tivemos uma boa notícia hoje (terça-feira). Parece que o governo federal acordou para a questão e quer que cidades pequenas tenham outro tipo de gestão”, disse.




Ainda segundo o jornal, o governador teria se lembrado da campanha, quando visitou pequenas cidade com altos custos:

“Já vimos cidades minúsculas de Minas onde o vereador não ganha muito, mas ganha R$ 4.000, para trabalhar uma hora por mês. Quem ganha R$ 4.000 por hora?”.