Se alguém me perguntar qual país tem mais opções de destinos pra quem pretende ir como turista, uma das minhas indicações sempre será a Itália.




Além de todo o charme de Roma, cidades da região da Toscana também são uma ótima opção de lazer e cultura, além de um lugar perfeito pra comer coisas deliciosas.

Uma cidade cheia de artistas famosos, Florença sempre foi reconhecida como uma cidade das artes. Michelangelo, Leonardo da Vince, Dante e Nicolau Maquiavel foram alguns dos notários habitantes da cidade.

Museus

Se você é do tipo que curte visitar museus durante suas viagens, Florença é uma cidade que lhe dará diversas opções. Considerado o museu mais antigo do mundo, o Galleria degli Uffizi é um dos que você não pode deixar de conhecer.

Parte museu e parte prefeitura, o Palazzo Vecchio era a casa dos antigos governantes da cidade, a família Médici.

Ponte Vecchio

Uma das pontes mais icônicas e bonitas do mundo, ela foi construída no século 1 antes de Cristo e hoje abriga diversas lojas de jóias, perfumes e ourives. Atravessá-la é um privilégio e uma satisfação sem tamanho.

Duomo de Florença

Uma das igrejas mais bonitas e imponentes da Itália, o Duomo de Florença é incrivelmente grande. Durante anos foi a maior do mundo, mas hoje está atrás da Basílica de São Pedro, Saint Paul em Londres e do Duomo de Milão.

Localizado em uma região super central da cidade, por lá perto você vai encontrar diversas opções do que fazer e comer.

Praça da República

Uma área mais moderna da cidade, a praça tem um tradicional carrossel e é rodeada de bons e caros cafés.

Antigamente era conhecida como a praça do Mercado Vecchio.



Palazzo Medici Riccardi

Um dos palácios mais discretos da Itália, ele pertenceu durante muitos anos a família mais rica de Florença, a Médici.

Cúbico, foi projetado e construído durante o período renascentista e hoje funciona como sede do Conselho Provincial.

Davi de Michelangelo

David ou Davi é uma das esculturas mais famosas do artista renascentista Michelangelo. O trabalho retrata o herói bíblico com realismo anatômico impressionante, sendo considerada uma das mais importantes obras do Renascimento