Se você acha que Belo Horizonte já sofre com a violência e assaltos que acontecem até com armas de brinquedo, agora tudo pode piorar.




É que de acordo com o que exibiu o Jornal Nacional desta segunda-feira 20, a partir de agora qualquer cidadão poderá comprar um fuzil pesado.

A mudança será possível a partir do decreto que regulamenta o porte de armas, assinado pelo presidente Jair Bolsonaro, PSL, neste mês.

Até então era definido pelo Exército que armas com poder de disparo acima de 407 joules enquadravam-se como uso restrito. Agora serão 1.620 joules.






Um dos que podrão ser comprados por qualquer um é o fuzil T4, produzido pela Taurus, que apoiou o presidente.

A própria Taurus confirmou ao Jornal Nacional: “Temos uma fila de 2 mil clientes… Estamos preparados para atender em até três dias as demandas”.